*
 

Uma semana rica em estreias. Em quantidade e variedade. Nada menos que 13 novos filmes chegam às salas de cinema da capital. E os títulos atendem ao gosto tanto do grande público quanto de plateias mais chegadas ao circuito alternativo.

“É Fada”, comédia que junta a popularidade da blogueira Kéfera à da escritora Thalita Rebouças, promete ser o hit. Mas há ainda duas sequências de filmes de ação — “12 Horas Para Sobreviver — O Ano da Eleição” e “Assassino a Preço Fixo 2 – A Ressurreição” — e uma no mínimo curiosa animação para adultos, “Festa da Salsicha”.

Na categoria curiosidade, vence “Stonewall – Onde o Orgulho Começou”, filme de temática LGBT, que difere completamente do tom habitual dos trabalhos de seu diretor, Rolland Emmerich (“Independende Day”, “Godzilla”). Quer algo mais diferente? Tem dois filmes argentinos, um peruano (artigo raro por aqui), um dinamarquês, e dois franceses — uma comédia e um documentário.

“12 Horas Para Sobreviver — O Ano da Eleição”
Este é o terceiro longa da franquia que começou com o título, no Brasil, de “Uma Noite de Crime” (2013), seguido de “Uma Noite de Crime: Anarquia” (2014). O mesmo James DeMonaco (de “A Negociação”, com Samuel L. Jackson e Kevin Spacey), dirige as três sequências. Desta vez, o policial interpretado por Frank Grillo é responsável pela segurança de uma senadora engajada no combate ao crime. Liderando pesquisas de intenções de voto, ela vira alvo dos criminosos.

Confira salas e horários de “12 Horas Para Sobreviver — O Ano da Eleição”

“Assassino a Preço Fixo 2 – A Ressurreição”
Jason Statham (astro de filmes de ação comparado a Bruce Willis pelo jeito marrento) volta a encarnar o agente Arthur Bishop, agora sob direção do O alemão Dennis Gansel (“A Onda”). Bishop vive escondido no Rio de Janeiro, mas é descoberto por uma capanga enviada por Riah Crain (Sam Hazeldine), seu velho conhecido, que quer que ele retorne à vida de assassino para eliminar três pessoas que atrapalham seus negócios.

Confira dias e horários de “Assassino a Preço Fixo 2 — A Ressurreição”

“Desajustados”
Coprodução entre Islândia e Dinamarca, dirigida pelo islandês Dagur Kari (“O Bom Coração”, de 2009), “Desajustados” narra o drama de Fusi, quarentão interpretado por Gunnar Jónsson. Apesar da idade, ele reluta em encarar a vida adulta. Mas sua pacata rotina, vivendo na casa da mãe — mesmo tendo um emprego estável –, é alterada quando ele ganha de brinde uma aula de dança e lá conhece uma mulher e sua filha de 8 anos.

Confira salas e horários de “Desajustados”

“Um Doce Refúgio”
Mais uma comédia francesa que chega ao circuito. Esta dirigida e estrelada por por Bruno Podalydés (também diretor e ator de “Um Belo Verão” e de um dos episódios de “Paris, te Amo”). Ele interpreta Michel, um artista gráfico que sonha em pilotar um avião. No dia em que descobre que a engenharia de um caiaque é muito parecida com a de uma aeronave, decide comprar um. Mas sua esposa não pode saber.

Confira salas e horários de “Um Doce Refúgio”.

“É Fada”
Celebridade da web, a blogueira Kéfera Buchmann aproveita-se da fama para estrear como atriz nesta comédia, adaptada do livro “Uma Fada Veio me Visitar” de Thalita Rebouças. Kéfera interpreta uma fada atrapalhada que perde seus poderes por usar métodos pouco convencionais. A chance de recuperá-los aparece quando ela recebe a missão de ajudar uma garota (Klara Castanho) que não acredita no mundo da magia.

Confira salas e horários de “É Fada”

“Festa da Salsicha”
Esta rara animação dirigida ao público adulto é da turma que fez as comédias “Superbad” (2007) e “É o Fim” (2013). E o que se pode esperar é o mesmo humor escrachado, piadas de duplo sentido e ultraviolência. No Brasil, a dublagem é assinada pelo coletivo Porta dos Fundos. Na trama, frutas, cereais e outros alimentos de um supermercado creem num paraíso de paz e prazer. Mas quando a salsicha Frank e a bisnaga Brenda são finalmente escolhidos por um cliente, descobrem o horror.

Confira salas e horários de “Festa da Salsicha”

“Humano — Uma Viagem Pela Vida”
Aos 70 anos, o documentarista francês Yann Arthus-Bertrand faz uma reflexão sobre quem somos nós humanos hoje em dia — como comunidade e como indivíduos — em documentário introspectivo. Por meio de testemunhos e imagens aéreas, Arthus-Bertrand (que em 2009 realizou “Home — Nosso Planeta, Nossa Casa”) viaja através das guerras, descriminações e desigualdades, mas também foca nos discursos de solidariedade.

Veja salas e horários de “Humano — Uma Viagem Pela Vida”

“A Maldição da Floresta”
Um conservacionista aceita um emprego em remota floresta na Irlanda, esperando encontrar por lá uma vida nova para ele. Muda-se então com a esposa e o filho recém-nascido. Ao chegar, ignora a advertência de um agricultor para não mexer naquelas terras sagradas. As consequências logo surgem: alguém invade misteriosamente sua casa à noite querendo fazer mal à criança. O filme marca a estreia em longas do diretor de curtas americano Colin Hardy.

Confira salas e horários de “A Maldição da Floresta

“No Fim do Túnel”
Visto recentemente em “O Silêncio do Céu”, do brasileiro Marco Dutra, o competente ator argentino Leonardo Sbaraglia protagoniza este thriller no papel de Joaquín. Preso a uma cadeira de rodas, o engenheiro de computação decide abrir o andar de cima da sua mansão para locação. A nova inquilina é uma stripper e sua filha. Lá pelas tantas, ele descobre que a vizinhança é ocupada por um grupo de ladrões que pretendem cavar um túnel sob sua mansão para chegar ao cofre de um banco.

Confira salas e horários de “No Fim do Túnel”

“Nosso Fiel Traidor”
Diretora de adaptação de “Jane Eyre” (2006) e de “Nanny McPhee e as Lições Mágicas” (2010), a britânica dirige Susanna White também esta trama de suspense, baseada em livro John Le  Num feriado no Marrocos, casal inglês conhece um extravagante e carismático mafioso russo que lhes pede um favor: que levem uma informação para o Serviço Secreto Britânico. Sem saber, os dois ingressam no universo da espionagem internacional. No elenco, Ewan McGregor e Naomi Harris.

Confira salas e horários de “Nosso Fiel Traidor”

“A Passageira”
O peruano Salvador del Solar (do ótimo “Pantaleão e as Visitadoras”, de 2000) dirige este drama coproduzido entre Peru, Argentina e Espanha. Damián Alcázar (“O Crime do Padre Amaro”, de 2002) estrela o filme no papel do taxista Magallanes, cuja vida vira de cabeça para baixo no dia em que embarca em seu táxi Celina, uma mulher que ele conheceu nos violentos anos em que foi um soldado do Exército peruano e lutou contra o Sendero Luminoso.

Confira salas e horários de “A Passageira”

“Stonewall – Onde o Orgulho Começou”
Diretor de filmes como “Independence Day”, “10.000 a.C.” e “Godzilla”, o alemão Rolland Emmerich muda de sintonia com esse drama. Ele reconstitui a rebelião de Stonewall, nos anos 1960, pelos olhos de um adolescente que descobre o mundo. O episódio entrou para a história como a primeira vez em que gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros enfrentaram a polícia de Nova York. Jeremy Irvine e Jonny Beauchamp.integram o elenco.

Confira salas e horários de “Stonewall — Onde o orgulho Começou

“O Último Tango”
A vida e o romance dos famosos dançarinos de tango argentino Maria Nieves Rego e Juan Carlos Copes são reconstituídos em documentário musical dirigido por German Kral. No fim dos anos 1940, María Nieves deixou a escola para trabalhar como empregada no lendário bairro portenho de La Boca. Ali conheceu o tango e Juan Carlos, com quem viajou pela América Central, Venezuela, Brasil, México e Cuba demonstrando os passos da dança típica argentina.

Confira salas e horários de “O Último Tango”

 

 

COMENTE

estreias da semanaÉ fada!festa da salsichadesajustados
comunicar erro à redação