*
 

A CPI da Pedofilia da Câmara Legislativa aprovou requerimento em que solicita laudo psiquiátrico do Instituto de Medicina Legal (IML) de André Felipe de Carvalho Albuquerque, após ouvi-lo em reunião reservada na manhã desta quinta-feira (6/10). O depoente foi preso em flagrante em dezembro do ano passado, com nove mil fitas e mais de duas mil fotos de crianças nuas. Na época, ele foi liberado após pagamento de fiança de R$ 10 mil. Morador do Sudoeste, o depoente também é suspeito de abusar sexualmente de duas crianças.

A deputada Sandra Faraj (SD), autora do requerimento, disse que André alegou voyeurismo durante o depoimento. No entanto, a parlamentar argumenta que essa característica só pode ser diagnosticada por médico psiquiatra.

Participaram da reunião reservada os deputados Rodrigo Delmasso (PTN), Sandra Faraj e Professor Israel (PV), além de delegados, advogado do acusado e secretariado da comissão. O presidente da CPI, Rodrigo Delmasso (PTN), enfatiza que um dos objetivos dos trabalhos, iniciados em maio deste ano, é investigar se o DF participa de uma rede de prostituição infantil. A comissão atua em parceria com a Polícia Civil do DF. (Com informações da Câmara Legislativa)

 

 

COMENTE

CPIpedofiliaCâmara Legislativa
comunicar erro à redação