*
 

Projeto de decreto legislativo apresentado na Câmara Legislativa na tarde desta terça-feira (11/10) determina a anulação da decisão do Governo do Distrito Federal (GDF) que autorizou o secretário adjunto de Turismo, Jaime Recena, a viajar para Las Vegas por 10 dias. Recena embarcou nesta terça (11), acompanhado da namorada, Marina Martins de Toledo, que é servidora comissionada da pasta; e de Mariana Lopes Braga, chefe da Unidade de Captação de Eventos da secretaria. Marina vai pagar a viagem com recursos próprios. No caso de Recena e Mariana, os cofres públicos vão desembolsar R$ 32.705,90, entre passagens e diárias.

A justificativa do projeto afirma que “é um verdadeiro descalabro, para dizer o mínimo, autorizar o afastamento do secretário adjunto de Turismo, Jaime de Araújo Goes Recena Grassi, para participar, na cidade americana de Las Vegas, dos eventos Red Bull Air Race e da feira IMex America 2016”.

Daniel Ferreira/Metrópoles

Secretário de Turismo do DF, Jaime Recena

 

Além disso, o texto ressalta que “o Brasil — e o Distrito Federal não escapa dessa realidade — atravessa a pior crise econômica de sua história. Na capital federal, sequer há recursos disponíveis para o pagamento do reajuste de servidores públicos”.

Por volta das 17h30, o projeto de decreto legislativo, apresentado pelo distrital Bispo Renato Andrade (PR), já tinha sido assinado por Agaciel Maia (PR), Raimundo Ribeiro (PPS) e Wellington Luiz (PMDB).

 

Aniversário com a namorada
No período em que estará na capital mundial dos cassinos, Jaime Recena vai comemorar o aniversário com a namorada. O secretário adjunto faz 36 anos na sexta-feira (14). Marina Martins de Toledo foi nomeada para a Secretaria de Turismo em 25 de novembro do ano passado, 10 meses após Recena assumir a pasta.

Por meio de nota, a Secretaria Adjunta de Turismo informou que “a servidora comissionada Marina Martins de Toledo teve a sua exoneração, com data de 10 de outubro de 2016, enviada para publicação.”

DODF/Reprodução

Sobre a viagem de Recena, a pasta alegou que a ida do secretário aos Estados Unidos tem o “objetivo de valorizar Brasília como destino turístico”, com a “atração de eventos e investimentos para o setor”.

A viagem a Las Vegas foi autorizada para que Recena acompanhe uma apresentação da Red Bull Air Race, show aéreo de acrobacias feitas por aviões de pequeno porte. O secretário também participará da feira IMex America 2016, voltada para o segmento do turismo. Segundo a pasta, Recena quer trazer o evento aéreo para Brasília.

 

 

COMENTE

Jaime Recena
comunicar erro à redação