*
 

A Câmara Legislativa foi notificada, nesta quarta-feira (19/10), da decisão do Conselho Especial do Tribunal de Justiça do DF e Territórios (TJDFT) que manteve o afastamento de Celina Leão (PPS) da presidência da Casa.

O documento também determina a volta de Raimundo Ribeiro (PPS) à 1ª Secretaria da Casa, “com extensão dos efeitos da decisão para, de igual modo, reconduzir os deputados distritais Julio Cesar (PRB) e Bispo Renato Andrade (PR) aos cargos de 2° e 3° secretários, respectivamente”.

O mandado é assinado pela diretora da Secretaria do Conselho Especial do Tribunal de Justiça do DF e Territórios. Mônica Regina Hauschild.

Todos os parlamentares citados são investigados pela Operação Drácon por suspeita de integrar um esquema de cobrança de propina em troca da liberação de recursos para a saúde. Eles tinham sido afastados da Mesa em 23 de agosto, data em que foi deflagrada a primeira fase da ação do Ministério Público e da Polícia Civil.

 

 

COMENTE

comunicar erro à redação