*
 

Um menino de 14 anos foi atropelado na manhã desta quinta-feira (14/9) na entrada do Lixão da Estrutural. Levado em estado grave pelo Serviço Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF), ele passou por reanimação na unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo informações da Polícia Civil, Elciel Mota dos Santos, que trabalhava com o pai no Lixão, foi atropelado por um caminhão de empresa de coleta de lixo que chegava para descarregar dejetos.

O motorista, um homem de 34 anos, foi encaminhado para a 8ª Delegacia de Polícia (SIA) para esclarecimentos. Segundo relatou aos policiais, ele chegou com o caminhão ao aterro sanitário e um grupo de catadores subiu na caçamba do veículo.

Ao começar a descarregar o material, percebeu que um dos trabalhadores batia insistentemente na lataria. O motorista parou o caminhão, ligou o pisca alerta e desceu para verificar o que ocorria. Neste momento, viu a vítima deitada, com as pernas ensanguentadas. O adolescente foi socorrido pelo Samu e levado ao Hospital de Base.

No dia 10 de maio, o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) anunciou que o Lixão da Estrutural será desativado definitivamente até outubro deste ano.

Com isso, os cerca de 1,2 mil catadores de materiais recicláveis que trabalham no aterro controlado do Jóquei receberão uma ajuda financeira do governo no valor de R$ 360,75 por seis meses.

Confira nota do SLU

A direção do SLU lamenta a morte do adolescente Elciel Mota dos Santos, ocorrida hoje no Aterro Controlado do Jóquei, conhecido como Lixão da Estrutural.

As circunstâncias do acidente ainda não estão esclarecidas, mas envolveu  uma carreta da empresa terceirizada que coleta os resíduos.  A empresa está prestando assistência à família e vai se responsabilizar pelos gastos do funeral. Cabe à Polícia Civil a apuração do caso.

Os acidentes no Lixão vêm diminuindo ao longo dos últimos anos com as medidas de segurança tomadas, apesar dos grandes riscos operacionais.  No entanto, o SLU não tem como impedir a entrada de catadores de forma clandestina na área que, embora cercada, tem 6km de perímetro.  Essa situação irregular é um dos motivos mais fortes para a decisão de encerrar as atividades ilegais no Lixão, que irá acontecer no próximo mês de outubro, por determinação expressa do governador.

O SLU manifesta toda a solidariedade à família do jovem e continuará se empenhando em melhorar as condições de segurança na área até seu fechamento definitivo.

 

 

COMENTE

EstruturallixãoGaroto atropelado
comunicar erro à redação