*
 

Uma história de superação de uma mãe emocionou os moradores de Brasília. Raquel Magalhães compartilhou uma postagem em um grupo do Facebook contando as dificuldades que passou após o parto do filho mais novo e como conseguiu passar por tudo graças ao apoio dos médicos e da família.

Raquel teve dificuldades durante o parto do pequeno Gael, em 18 de agosto. Durante a cesariana, detectaram uma doença chamada endometriose, o que acarretou em uma forte hemorragia. Poucas horas após o nascimento do filho, ela precisou voltar ao centro cirúrgico para tentar estancar o sangramento. Por conta das complicações, a mãe precisou tirar o útero, teve problemas nos rins e nos pulmões — entrando em coma e foi desacreditada pelos médicos.

Nessa hora, segundo Raquel, a fé a salvou. “Pela misericórdia de Deus, o quadro mudou. Comecei no mesmo dia a reagir. Ver meu filho me deu vontade de viver”. No total, foram 14 dias no hospital, agora, ela já está em casa com o bebê e o filho mais velho. “Agradeço primeiramente a Deus, por ter me dado uma nova oportunidade de viver e de cuidar dos meus filhos.

Quero que todos saibam que o poder da oração de todos fez a diferença em minha vida. Peço a Deus pela vida de cada uma de vocês, guardando, protegendo e amparando no que precisar. "
Raquel Magalhães

Leia o relato completo:

A reportagem do Metrópoles tentou contato com Raquel, mas, até a publicação desta reportagem, não tinha obtido resposta.

 

 

 

COMENTE

Parto HumanizadoBebê
comunicar erro à redação