" />
*
 
 

O SUV da marca francesa chega ao mundo quebrando um bocado de paradigmas. Para começar, será lançado na China, e não no continente natal da montadora francesa.

Será o primeiro modelo da Citroën com versões híbridas plug-in: o conjunto de propulsores tem um motor de 200cv, a combustão, e dois elétricos – um na frente e outro atrás.

Com isso, será o Citroën de série mais potente que já existiu. São 300cv.

Será o primeiro a oferecer quatro modos de uso: 100% elétrico, com uma autonomia de até 60km; Híbrido, para longas distâncias sem recarga; Combinado; 4X4.

Detalhe: o conjunto permitirá que a bateria seja recarregada durante a fase de desaceleração ou mesmo por meio do motor térmico – e com o carro em movimento.

O C5 AirCross também será o primeiro Citroën equipado com um sistema de suspensão que usa batentes hidráulicos de atuação progressivos para absorção melhor as irregularidades das estradas.

Segundo a marca, em movimentos mais suaves, apenas as molas e os amortecedores atuam.

Beleza à prova

Quanto ao visual, vejam as fotos e este vídeo (https://goo.gl/TkbsJb), amigos leitores do blog, e avaliem.

Ficou bonito? Gostaram linhas arrendo dadas?

Divulgação: Citroën do Brasil

Do volante de dois raios, meio que futurista?

Ah, e quanto à vinda ao Brasil? A Citroën não comenta, mas dificilmente virá; se vier, não será tão cedo.

ChinalançamentoAircrosshíbridoCitroën C5
 


COMENTE

Ler mais do blog