">
*
 
 

Cliente querida vira pra mim e fala: “Queria minha sala bem sexy, sabe?”. Rolou aquele silêncio na reunião. O marido solta uma gargalhada tensa e fala que isso não existe e que até a designer (no caso, eu) estava sem graça com a ideia. Na verdade, meu breve silêncio era mais uma reflexão de como o desejo por um ambiente “sensual” caberia na sala de estar e na própria proposta do projeto.

Pedi um dia para fazer uma pesquisa e ver se minha ideia de “design sexy” se encaixava com a dela. O resultado (ainda no papel), está longe de um ambiente com pole dance, cama redonda, luzes neon, abajur cor de carne que nem música dos anos 1990.

Mas um espaço que abusa de recursos que reproduzem, com sutileza, elementos ou formas que remetem a ideia da sensualidade: móveis com formas orgânicas, mistura contrastante de cores quentes com cores frias, uso de metais e espelhos, texturas interessantes. A intenção é que essa sugestão seja discreta no espaço, para que, inconscientemente, percebamos a sensualidade ali presente.

Divido a pesquisa realizada com dicas pra você que também quer dar aquela sensualizada na sala de casa – sem cair no óbvio. O bom e velho sexy sem ser vulgar:

reprodução/internet

As formas arredondadas e orgânicas são peças chaves na composição de um ambiente sensual. Acrescente objetos metálicos pendentes e cores fortes e você tem um espaço perfeitamente normal, elegante e sugestivo

 

reprodução/internet

O vermelho é uma cor certeira pra quem quer fazer essa jogada sexy em casa. Em contraste com cores escuras e inserido em um móvel cheio de curvas, o clima sedutor está garantido

 

reprodução/internet

Para um apelo mais discreto: o contraste do vermelho com o cinza, o capitonê do estofado e o tapete cheio de textura

 

reprodução/internet

Paredes escuras ganham todo um clima cênico ao serem tocadas pela luz, criando um ar sensual no espaço. O veludo é um material que tem essa conexão direta com a sensualidade e pode ser usado no mobiliário em tons fortes e ousados. O dourado traz o contraste necessário para o espaço ganhar mais charme e identidade

 

reprodução/internet

Nem só de paredes escuras vive um ambiente sensual. Mesmo com toda a claridade, o pendente na mesa de centro, com acabamento acobreado e a poltrona cheia de curvas, trazem essa ideia sútil das formas sensuais pra sala

 

Robert_Downer

Madeira, pontos de luz, formas orgânicas presentes não só nas poltronas, mas também no tapete e na arte da parede. O toque de vermelho sobre a mesa completam a sugestão discretamente sexy do espaço

 

reprodução/internet

Kate Moss fumando um cigarro contra o vento pendurada na parede: taí uma ferramenta instantânea pro lugar ficar sensual

 

reprodução/internet

A sensualidade de um espaço não está na obviedade, mas na sugestão: a forma como a cortina passeia pelo chão, o concreto rústico, o brilho do cristal, o reflexo do cobre as curvas e as cores quentes pontuadas nos móveis

 

Vamos fugir dessa ideia, ok?

Vamos fugir dessa ideia, ok?

 

 

decoração
 


COMENTE

Ler mais do blog