">
*
 
 

Se tem algo que pode nos encher de orgulho, em tempos tão sombrios para nós, brasileiros, é a safra de arquitetos geniais que o Brasil produz.

Nossa arquitetura, que despontou no modernismo das primeiras décadas do século 20, se estabeleceu como referência mundial não apenas pela obras geniais de grandes brasileiros como Oscar Niemeyer, João Filgueiras, Lina Bo Bardi ou Carla Juaçaba, mas pelos artistas contemporâneos que continuam honrando a tradição arquitetônica brazuca.

A herança modernista, porém, ainda corre solta nas veias dos nossos arquitetos, com novos contornos e soluções que elevaram ainda mais a importância da produção nacional nesse segmento. O resultado são infindos projetos que refletem uma mistura coesa de genialidade, simplicidade, elegância e funcionalidade.

A residência GAF, projetada pelo premiado escritório Jacobsen Arquitetura, de São Paulo, é a perfeita tradução dessa evolução. A ideia das linhas retas e simples, do pilotis, dos planos abertos, da integração das áreas, da força dos espaços verdes – tão modernistas -, ganham contemporaneidade com uma intrincada e atual marcenaria substituindo o excesso de concreto.  O interior segue a proposta da simplicidade e da elegância.

O projeto é assinado pelos arquitetos Paulo Jacobsen, Bernardo Jacobsen, Edgar Murata, Marcelo Vessoni, Jaime Cunha Jr., Christian Rojas, Henrique Vetro e Maya Leal.

 

decoraçãoarquitetura
 


COMENTE

Ler mais do blog