*
 

Uma adolescente de 14 anos morreu após uma briga em sala de aula motivada por bullying. Marta Avelnhaneda Gonçalves estudava há apenas três dias na Escola Estadual em Cachoeirinha, na grande Porto Alegre.

Colegas afirmaram que ela sofria perseguição. Informações da polícia apontam que a garota teve um desentendimento com outras três estudantes, duas de 12 anos e uma de 13 anos, em um intervalo entre as aulas da quinta-feira (9/3).

Como não havia funcionários ou professores ao redor, as adolescentes começaram a se agredir, quando Marta foi empurrada. Com a queda, ela passou mal e colegas chamaram o serviço médico de urgência.

Marta foi levada para o hospital, onde sofreu uma  parada cardiorrespiratória. De acordo com os médicos, a jovem morreu por asfixia causada por estrangulamento. As outras garotas envolvidas no caso foram levadas à delegacia e depois liberadas. Elas afirmaram aos agentes que foi Marta quem começou as agressões.

De acordo com o G1, o caso pode ter sito motivado por ciúmes. “Pelo que se recebeu de informe, uma delas teria um namorado, e esse namorado teve um primeiro contato com a vítima. E um ciúmes poderia ter ocasionado essa briga. Vamos buscar testemunhas, funcionários da escola, e apurar eventual responsabilização, omissão, que teria ocorrido por parte dos gestores daquele local”, garantiu o delegado Leonel Baldasso.

 

 

 

COMENTE

bullyingagressão
comunicar erro à redação