*
 

O jantar oferecido pelo presidente da República, Michel Temer, a embaixadores e ministros, no último domingo (19/3), em uma churrascaria de Brasília custou R$ 13.844,29, segundo o jornal O Globo. A verba para pagar essa boca-livre, que incluiu rodízio, bebidas e sobremesa, veio toda da Presidência. Como 69 pessoas estiveram no local, cada convidado custou, em média, R$ 200,60.

A ida do presidente até a churrascaria teve o intuito de amenizar os impactos da Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal na sexta-feira (17). No pronunciamento à imprensa, feito logo antes de todos irem para a churrascaria, Temer fez questão de garantir a qualidade da carne brasileira.

A casa é famosa por oferecer cortes nobres de carnes, com origem brasileira e também importadas da Argentina, Austrália e Estados Unidos. Segundo nota do Planalto, na ocasião foram servidas apenas carnes brasileiras.

 

 

COMENTE

churrascariaTemercarne fraca
comunicar erro à redação