*
 

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ), de 46 anos, saía de um restaurante na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, na noite de sexta-feira, acompanhado pela mulher, quando foi xingado por um rapaz e uma mulher. Ele respondeu aos insultos, e a discussão se estendeu por cerca de três minutos. O rapaz chegou a tirar a camisa para tentar agredir Lindbergh, mas foi contido. Segundo Lindbergh, o desconhecido chegou a empurrar sua mulher, que caiu e feriu o joelho e o braço. O senador petista registrou o caso na 15º DP (Gávea) por lesão corporal, injúria e dano ao patrimônio.

Um vídeo veiculado na internet mostra o rapaz e a mulher gritando “Fora, Lindbergh”, “Fora, PT” e chamando a ex-presidente Dilma Rousseff de “safada”. O senador, que já havia saído do restaurante e caminhava na calçada, reagiu classificando o casal como “fascista”. A discussão se acirra até que o rapaz tira a camisa e se aproxima de Lindbergh, mas é contido pela mulher.

Em seu perfil no Facebook, o senador petista narrou o episódio:

Reprodução

Até este domingo (25), o casal envolvido na agressão verbal ainda não havia sido identificado pela polícia.

 

 

COMENTE

ptLindbergh Fariasagressão
comunicar erro à redação