*
 

O policial rodoviário federal Marzio Deon Resende, 56 anos, morreu nesta segunda-feira (9/1), no Hospital Home, em Brasília. Ele foi baleado durante uma tentativa de assalto durante as Olimpíadas do Rio de Janeiro e estava na capital federal para tratar de um trauma na coluna cervical.

O policial era de Manaus e foi enviado para o Rio em 2016 para reforçar a segurança durante a competição esportiva. Resende levou quatro tiros quando saía de um plantão, pela manhã, no acesso à Avenida Brasil pela Rodovia Washington Luiz, zona norte da capital carioca. Desde então, estava internado.

A Polícia Rodoviária Federal lamentou a morte do agente por meio de nota. “Mesmo com a apresentação de momentos de melhora nos últimos meses, na última semana surgiram complicações e seu estado de saúde foi agravado. Marzio é mais um agente de segurança pública que perde a vida enquanto trabalha em prol de uma sociedade mais segura”, disse a corporação.

 

 

COMENTE

Rio de JaneiroPRFbaleadoPolicial morto
comunicar erro à redação