*
 

Eduardo Santos Silva, de 42 anos, foi executado em casa na última quinta (8/9), na região metropolitana de Salvador (Bahia). Nas redes sociais, circulam informações de que ele teria sido morto após ser acusado de pedofilia.

A Polícia Civil da Bahia ainda apura o caso, mas informou ao jornal “Extra” que o homem foi encontrado por vizinhos na noite de quinta (8/9).

Desde sexta (9/9), rodam nas redes sociais um vídeo que supostamente exibe a execução de Silva. Um outro material mostra a execução por um dos suspeitos do crime. Apurações preliminares apontam que Silva teria perdido seu aparelho de celular. Nele, teriam sido achadas fotos e vídeos de possíveis vítimas.

Reprodução/Extra

 

 

 

COMENTE

Bahiaestupradorpolícia da bahia
comunicar erro à redação