*
 

Dois bandidos armados invadiram um ônibus da linha Alcântara- Niterói, na BR-101, subida da ponte Rio-Niterói, no Rio de Janeiro, e mantiveram passageiros reféns desde as 8h50 desta terça-feira (21/3). Após uma hora de negociação com as polícias Rodoviária e Militar, a dupla se rendeu. Não houve feridos.

Os criminosos iniciaram o assalto por volta das 8h40. Enquanto um deles ameaçava as pessoas, o outro recolhia os pertences roubados. Uma mulher grávida foi libertada. Segundo informações do tenente-coronel Marçal, da PM, havia cerca de 30 passageiros no ônibus no momento do assalto e um dos bandidos portava uma pistola falsa.

“Ele estava deitado no chão do ônibus com uma mulher à frente dele, para garantir a integridade física”, relata o tenente-coronel. O militar acrescenta que os bandidos planejavam assaltar o coletivo, mas, quando notaram a chegada da PM, sequestraram o transporte por “medo de serem feridos”.

O tenente-coronel conta também que o bandido, morador de São Gonçalo (RJ), mantinha passageiros reféns e pediu a entrada da esposa no ônibus, como requisito para liberar as pessoas. “Pouco a pouco foi liberando os passageiros. Primeiramente, as mulheres. E não feriu ninguém”, narra.

Às 9h09, o acesso à ponte pela Av. do Contorno foi interditado por conta da ocorrência. Às 9h29, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) se dirigiam ao local. Os acessos próximos à via já foram liberados.

 

 

COMENTE

comunicar erro à redação