*
 

Um candidato a vereador no município de Itaboraí, na região metropolitana do Rio, pelo PTC (Partido Trabalhista Cristão), morreu na tarde deste domingo (25/9), após ter sido baleado por criminosos quando passava na garupa de uma moto na comunidade de Reta Velha. José Ricardo Guimarães Costa, de 50 anos, registrado na Justiça Eleitoral com o nome de urna Ricardo Guimarães, era capitão reformado da Polícia Militar (PM) e estava na comunidade em um compromisso de campanha.

A PM informou, em nota, que o capitão reformado foi levado para o Hospital Desembargador Leal Júnior, no centro da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.  Ainda segundo a PM, o 35° Batalhão (Itaboraí) realiza uma ação de vasculhamentos na região para tentar localizar e prender os responsáveis pelo crime.

Na madrugada de sexta-feira (23), um candidato a prefeito de Japeri, na Baixada Fluminense, também policial militar, sofreu um atentado a tiros. André Luis de Oliveira Cristino, mais conhecido como Andrezinho de Japeri, de 39 anos, foi atacado quando chegava em casa após um compromisso de campanha, segundo a Polícia Civil. O candidato não se feriu.

O estado do Rio de Janeiro está entre os que mais têm registrado ocorrências na atual campanha eleitoral, sobretudo na região metropolitana da capital. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio de tropas nas eleições para a capital e mais dez municípios. A solicitação foi feita pelo governo do estado e pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ), após os vários casos de assassinatos de pré-candidatos em municípios fluminenses.

 

 

COMENTE

Rio de JaneiropmPolicial morto
comunicar erro à redação