*
 

Dois homens foram presos, nesta quinta-feira (1/9), suspeitos de participação na morte de uma criança de 2 anos, em Cuiabá. Eles teriam colocado veneno em um achocolatado que a vítima bebeu. As informações são do portal G1.

De acordo com a Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica), Adones José Negri, 61 anos, e Deuel de Rezende Soares, 27, teriam colocado veneno de rato na bebida, que foi consumida pela criança.

Thainá Paz/ G1/Reprodução

A polícia não explicou qual é a relação dos suspeitos com a família da criança e, também, evitou informar a possível motivação do crime.

Lote suspenso
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu nessa segunda-feira (29/8), em todo o Brasil, um lote do achocolatado da marca Itambé, após a morte da criança.

A decisão da Anvisa foi publicada no Diário Oficial desta segunda e diz respeito ao lote “21:18” da bebida, fabricado pela Itambé Alimentos S/A e que tem validade até 21 de novembro de 2016. A resolução, que vigora por 90 dias, atende ao pedido da Coordenadoria de Vigilância Sanitária do Estado de Mato Grosso.

 


 

COMENTE

envenenamentocuiabá
comunicar erro à redação